Incorporação: Solução para Seu Terreno

Possui um terreno e não sabe o que fazer com ele? Não tem dinheiro para impostos e não quer simplesmente vendê-lo? Você pode fazer uma incorporação imobiliária. Também é uma ótima opção para quem recebeu um terreno de herança e quer lucrar ainda mais.

O que é incorporação imobiliária?

A incorporação imobiliária nada mais é do que o que representa um condomínio fechado. Incorporar é transformar um único terreno, lote, ou qualquer área em várias áreas fracionadas em unidades independentes (ou lotes), todos com acesso a rua, com o propósito de constituir edificações, casa, apartamentos, no regime de condomínio para venda. Assim, com as unidades vendidas ainda na planta ou em construção, é possível levantar o valor para a construção.

Dessa forma, o terreno que antes possuía uma matrícula, ou escritura, passar a ter o número de lotes divididos. Por exemplo, se o terreno foi divido em dez lotes, passam a ter dez matrículas, ou escrituras, e dez casas (ou lojas, o que será nele construído). Dessa forma, a edificação e o terreno, que são duas coisas, se tornarão uma só: o prédio será incorporado ao terreno, daí o termo incorporar.

De acordo o art. 28, parágrafo único da Lei nº 4.591/64, a incorporação imobiliária é a atividade exercida com o intuito de promover e realizar a construção, para alienação total ou parcial, de edificações ou conjunto de edificações compostas de unidades autônomas.

Qual a vantagem?

Um terreno sem construção é avaliado pela média da localização, variando por tamanho, declive, etc. Um terreno construído passa a ter o valor do imóvel agregado, e é onde se pode ganhar um bom lucro. Mas, ser maior permite melhores negociações. Se você sozinho quiser construir para vender, pode ser que tenha um bom lucro, mas também pode ser que demore, e mais uma vez seu dinheiro ficará parado.

Com uma incorporadora ao seu lado, é possível que ela já tenha possíveis clientes e também atraia novos interessados com mais facilidade, já que é profissional e possui experiência no ramo. Além disso, o custo disso será bem menor do que o custo de errar, por isso, verifique se seu parceiro já fez isso antes.

Como faço para incorporar?

O incorporador na verdade é quem se compromete com a divisão, documentação, venda das unidades, e responsabiliza-se, pela entrega, preço, condições, etc, das obras concluídas. A incorporadora pode ser a construtora dos imóveis ou não.

Eu sou só o dono do terreno, o que eu faço?

Nada, meu amigo, você só tem a ganhar. O dono do terreno pode receber como pagamento unidades do prédio (condomínio, etc) construído ou lucro em dinheiro, depende do contrato. Basta você avaliar o que melhor se encaixa a sua necessidade, agora é anunciar o terreno ou procurar uma incorporadora de confiança e aguardar seus rendimentos!

Uma dica: Procure uma incorporadora de confiança, com experiência. Não acredite apenas no que dizem verifique o histórico, conheça outros empreendimentos.  De preferência a quem já construiu outros imóveis.